Ampulheta é um dos objetos mais antigos para se medir o tempo. Inventada no século VIII por um monge francês chamado Luitprand, o nome tem origem no espanhol ampolleta que significa “relógio de areia”. Numa época onde não existiam relógios, a passagem da areia fina de um compartimento cônico para o outro através de uma estreita passagem era o método utilizado para se marcar intervalos de pequenos momentos. Com a passagem dos séculos, o homem inventou outras formas de controlar o tempo e a ampulheta, com sua forma elegante, virou uma peça de design e decoração.

Os andarilhos da Led, de Célio Dias, e o tricô contemporâneo da Null & Filled, de Mariana Lucchesi e Luiza Mendonça, foram os meus favoritos no concurso Ready to Go, com curadoria de Terezinha Santos e promovido dentro do Minas Trend, que essa semana acaba de lançar o verão 2018. Tema dos favoritos: a ausência de gênero, ou melhor uma democracia sexual nas roupas, que podem ser usadas tanto por homens como por mulheres.

O lurex é um tecido com fios brilhosos que cria uma leva aparência metálica. O material foi sensação nos anos 70 e 80. Quem viveu a época das discotecas lembra das meias que conquistaram as pistas de dança e circulavam pelas ruas nos pés das mulheres antenadas com a moda. Versátil, o lurex voltou a ganhar destaque nas coleções de inverno deste ano. O tecido é uma opção para incorporar o brilho durante o dia de uma forma discreta e mais casual. Uma saia de lurex faz bem par com camisa jeans e tênis, por exemplo. Acha muito? Invista nos detalhes....

Nesta temporada de calor o turbante divide a preferência das mulheres junto com o coque e o rabo de cavalo. Afinal, nos dias quentes que mulher aguenta ficar com os cabelos longos ou médios soltos? Originalmente, o turbante é um acessório símbolo da cultura africana mas impossível esquecer de Greta Garbo, Carmem Miranda e outras tantas musas usando o acessório. Recentemente voltou a ser destaque em editorias de moda, nas ruas mas também foi motivo de polêmica nas redes sociais por conquistar mulheres de todas as tribos.

Ingredientes: atum, salmão, polvo e os peixes mais frescos pescados no dia. Em apresentação e sabor, o resultado é de uma delicadeza incrível pois mistura a cozinha japonesa e a peruana. Depois disso é só degustar apreciando a Pedra da Gávea e o verde de São Conrado no Páru, charmoso restaurante no Fashion Mall do chef peruano Jann Van Ordt.

Entre no clima místico dos búzios, as conchas do mar que são símbolo de espiritualidade e força. Influência da cultura africana em nosso país, os búzios sempre foram muito usados em rituais religiosos e na decoração praiana. A novidade é que neste verão as conchas aparecem como opção de colar, pulseira, anel ou choker em versões de metal, prata e até ouro. A proposta é dar um toque displicente em looks mais sofisticados.

Ignorada pela família, dona Cândida chegou aos 73 anos com tanta tristeza que andava pelas ruas de cabeça baixa, usando um boné, entregue ao alcoolismo. Reencontrou a alegria de viver confeccionando junto com outras artesãs essa lindas bonecas africanas em papier machê e tecido no Projeto Onikoja, em Sepetiba. Onikoja, significa senhor ou senhora da coragem. As bonecas estão à venda na Parceria Carioca, no Shopping da Gávea.

O kaftan ou caftã é uma vestimenta de origem turca que nos anos 60 e 70 conquistou o Ocidente. O estilista Yves Saint Laurent criou uma coleção inspirada no Marrocos e encantou as fashionistas. Símbolo de elegância, o kaftan está sob os holofotes novamente no verão 2017. É a peça escolhida para chegar ou sair da praia nesta estação. Em versão curta ou longa, a modelagem larga veste bem todos os tipos de corpo e pode ser usado em diversas ocasiões.

A imagem é forte mostrando como os cachorros são obrigados a inalar substâncias tóxicas em testes para produtos de beleza. É apenas uma das milhares que circulam pela internet denunciando a tortura animal que atinge coelhos, macacos e vários outros bichos. "Better kiss than kill" é o slogan da campanha da PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) em parceria com a Face It Natural Cosmétics. Lançada por Elza e Julia Barroso em março desse ano, a marca de batons veganos imprime sobre a imagem um beijo, para mostrar como podemos tratar o planeta com carinho e sem violência.

Depois dos lenços enrolados na alça e dos grandes chaveiros coloridos pendurados, chegou a vez das straps ou alças customizadas e removíveis enfeitarem as bolsas. Elas caíram no gosto de fashionistas que gostam de uma novidade Com uma strap colorida é possível mudar a forma de usar o acessório e deixar o modelo diferente, prático e cheio de estilo. Fendi, Gucci e Valentino são algumas das marcas que lançaram opções exclusivas que inspiraram grifes e influenciadoras pelo mundo....

Receba nossa Newsletter!

 
amandas_heloisa_marra3.png