×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 1364

introday3

Viajante, artsy na construção dos tecidos e na customização do índigo, o terceiro dia do Fashion Rio foi do minimalismo elegante de Andrea Marques à nova arquitetura da praia de Lenny Niemeyer. Na Oh,Boy! e na Sacada a customização e o desenvolvimento dos tecidos chegou perto da arte. Cantão contou uma história de florestas, mapas e cores caleidoscópicas. TNG foi à Índia com atitude esportiva. Confira.

 

 

A nova arquitetura da praia
O desfile de Lenny Niemeyer foi um dos pontos altos do dia. As formas minimalistas e a cartela de cores com base no preto e branco valorizaram o trabalho da estilista, que utilizou a dublagem, técnica da alta costura, para dar um novo caimento mais encorpado na Lycra.

Montagem Lenny

Estampas inspiradas na luz coloriram alguns looks de verde e laranja em gráficas composições. A modelagem geométrica trabalhou não só na Lycra mas também na ráfia. No final, ninguém lembrou do atraso de mais de 40 minutos e todos aplaudiram de pé.  

 O minimalismo romântico de Andrea Marques

Montagem Andrea Marques

Andrea Marques fugiu do lugar comum e, ao invés de uma inspiração, nos trouxe o seu conceito: o novo minimalismo. Simples e elegante, o desfile apresentou desejos da mulher contemporânea, como os conjuntos de crepe e os de seda. Com os comprimentos alongados, decotes (costas) e fendas foram utilizados para dar um efeito mais sensual. Na cartela de cor, muito branco e preto e branco, verde-lima, rosa-sorvete e amarelo. As estampas eram gráficas ou florais. Os acessórios, feitos à mão pelos designers da Notiluca, foram criados especialmente para a marca e deram um charme a mais na coleção. 

 Costurando artes

Montagem Sacada

As artes plásticas não foram apenas uma inspiração para Beti Speiski e toda equipe da Sacada. "Foi um trabalho bem artesanal. Trabalhamos com estampas manuais, bordados, tie-dye e também recortes tramados. É um trabalho enlouquecedor, mas gostoso ao mesmo tempo". A marca é uma das poucas que levou uma cartela de cores mais vivas às passarelas: verde esmeralda, pink, azuk royal e amarelo se juntaram ao preto e ao branco. As formas eram fluidas, com algumas peças mais estruturadas, construídas a partir da união da organza de seda com uma tela plástica. 

 As gypsies skatistas da Oh, Boy!

ohboy.640

Com o tema "Gypsy Skate", a Oh, Boy! levou para a passarela uma coleção hiper trabalhada com bordados, apliques de medalhas e jacquards, representando a menina antenada e globetrotter que viaja por aí acumulando referências no visual. Para representar esse acúmulo, os looks vinham cheios de acessórios, principalmente bijoux de metal - pulseiras, brincos grandes com penas e maxicolares.

Board shorts e colete biker na influência do esporte

A influência étnica foi forte. O espírito de liberdade era parte do mote - e aí entra o skate e a influência de esportes urbanos, que inspiraram as modelagens. Só que mesmo saindo para andar de skate, a menina Oh, Boy! se arruma, então board shorts (usados na prática de esportes aquáticos como surfe e stand up paddle), ganharam roupagem chique de jacquards, e viraram parte de terninho com jaqueta cropped ou com colete biker no mesmo tecido, na melhor mistura hi-low.

Grafite e interferências manuais no jeans

Tops cropped, shortinhos e macacões, peças atualmente essenciais no guarda-roupa das meninas, também ganharam a passarela.
O jeans, característica forte da marca, foi customizado por dois artistas. Lynn Court pintou algumas peças sob influência do grafite, e Fabio Kawallys fez interferências manuais utilizando pedaços de tecidos e tachas, paetês e galões coloridos.

 Índia e esporte se encontram na TNG

Montagem TNG

Dois festivais indianos inspiraram a coleção da TNG: o Festival das Cores e a Festa das Luzes. Bianca (Cleo Pires) reencontrou Ziah (Domingos Montagner) na passarela e levou de quebra Maria Vanúbia (Roberta Rorigues). Calças com shape de moletom e ar oriental, estampas de cashmere, jeans manchado, saias e vestidos curtos desfilaram o verão da marca que começou em rosa e brilho, passou por tons de verde, azul, laranja e pink até chegar ao black jeans pontuado pelo paetê. Para os homens, o blazer vem sem manga com cara de colete sobre camisa. O glamour feminino ganhou com vestidos acinturados cobertos de cashmere. Tule e paetê se misturaram para dar vida ao denim. Nos acessórios bolsas, mochilas, bonés, tênis e cintos inspirados no esporte descontraíram os looks em cores vibrantes e metalizadas.

 


 
amandas_heloisa_marra4.png