Quem mistura e se aventura precisa de cultura

A perfeição não existe, por isso o segredo de um bom styling é não ter medo de introduzir algo errado e estranho no visual. O melhor exemplo disso é Alessandro Michele, especialista em combinar o "incombinável". Fácil falar mas difícil de executar, principalmente se falta conhecimento da moda ao longo das décadas.

O que faz a roupa ganhar vida?

Você sabia que os vestidos deslumbrantes usados pelas musas do pintor Gustav Klimt existiram e foram confeccionados? Sabem por quem? No início do século 20, ele pintou mulheres douradas cobertas por prints coloridas. Essa é uma das inspirações mais interessantes que conheço e que está na minha série Mapas de Estilo das Décadas. A arte alimenta a cultura de moda, seja ela pintura, música ou cinema. Quer ver outro exemplo? Alessandro…

Inspiração para vender

Tem coisa que inspire mais na hora de vender um produto do que uma boa história? E mais: uma boa história de uma marca que virou comportamento e objeto de desejo de milhares de consumidores?

Colocando em prática suas ideias

Quem estuda moda tem sempre vontade de colocar em prática uma ideia, seja confeccionando uma roupa, um acessório, realizando um desfile, uma produção ou lançando uma marca. As transformações da moda através das décadas estão ricas em casos de sucesso.

Segredo de stylist

Se é feio usar meia com sandália, eu uso. Se não se deve misturar tênis e roupa de noite, eu misturo. Se é proibido, eu quero. Carine contou que quanto mais dizem que não é chique usar uma roupa mais…

Onde mora o desejo?

Cultura de moda desperta desejo. E sem desejo, não adianta criar a coleção mais chique e mais bonita que a roupa acaba encalhando no estoque. Como empresário, Renato Kherlakian, dono da Zoomp, sabia muito bem disso quando contratou o styling…

O que aprendi com a garota Gucci

Cultura de moda é muito mais do que história da moda, aquele conteúdo acadêmico ensinado nas faculdades. É algo vivo, que flui no dia a dia tão rápido que às vezes passa despercebido. É importante aprender com a experiência, como…

Como a criadora do nap dress faturou US$ 1 milhão em meia hora

Analista financeira do Deutsche Bank, a inventora do nap dress nunca imaginou em toda as suas previsões que faturaria 1 milhão de dólares, vendendo mais de 10 mil vestidos, em apenas meia hora. Sorte? Não. Descubra aqui como uma inspiração…

Relutei muitos anos antes disto...mesmo depois daquela noite

O que é cultura de moda? Para que serve, na prática? Qual a diferença entre Cultura de Moda e História da Moda? Eu percebi que todos os melhores estilistas, lojistas, vendedores, stylists e empresários de moda que conheci durante os…

Não dá pra cochilar na hora de criar

Até mesmo de nap dress, o famoso vestido cochilo, moda do momento. Hora de abrir o olho e descobrir que a criadora da peça pesquisou, criou um estilo próprio e soube usar sua cultura de moda para fazer um produto...

Lizzie, musa do nap dress

Ao ler esse post talvez você esteja usando o nap dress, vestido soltinho, confortável, fácil de vestir, bom para dormir e para sair. Um best seller nesses tempos de quarentena. A criadora do modelo é Nell Diamond, que desde 2016…

Do que você abdicaria para mudar seu estilo de vida?

É fácil falar em desapego, menos é mais, etc... Mas na hora de escolher, será que você está pronto/a para partir para outro tipo de vida? Será que você sabe o que descartar e o que guardar? Consegue viver como editor/a…

A vingança de Lady Di

A estreia da quarta temporada de The Crown na Netflix traz um personagem que rompeu radicalmente com o protocolo de estilo da coroa inglesa: a princesa Diana. A série, com figurinos da vencedora do Emmy Amy Roberts, começa em 1979…

Corrente de novo!

Corrente de novo na moda!!!!! E dourada...! Tem gente que perde a paciência com o vai e vem das tendências. O vestidinho preto, a logomania, aquela profusão de logos pipocando em forma de print, a calça flare e por aí…
Heloisa Marra
: Heloisa Marra

Hill House HomePeça é um caso de sucesso comercial

O vestido nap foi patenteado em janeiro desse ano e é vendido na faixa de US$ 100 pela internet. Dependendo do lugar no Brasil, o frete vai custar US$ 50 a mais. Em apenas meia hora, a empresa vendeu US$ 1 milhão. Hoje o nap dress representa 50% do faturamento da Hill House Home. 

Americana criada em Londres, Nell teve a ideia de fazer o modelo quando era analista financeira do Deutsche Bank. O nap começou a ser vendido ano passado e segundo ela, esgotou na primeira coleção cápsula. Um pouco infantil, com babadinhos nos ombros, é um case de estilo e sucesso comercial nessa temporada de home office, povoada por moletons, flats e roupas acima de tudo confortáveis.

nelldiamondEllie, Athena, Katherine, Caroline e vários outros naps foram fabricados em Madagascar numa fábrica escolhida por Nell por que a dona é uma mulher. A empresária e estilista gosta de cultivar um estilo que ela chama de "victorian ghost" (fantasma vitoriano). Seu interesse por lingerie e camisolas de época vem da faculdade, em Princeton, quando pesquisou a ligação entre o algodão branco e a histeria.O branco era look símbolo dos sanatórios, onde, nas novelas vitorianas e na realidade da época, iam parar as mulheres consideradas loucas, muitas na verdade vítimas de abuso.

Tese sobre mulheres pré-rafaelistas inspirou o nap

O moodboard que inspirou o nap dress de Nell Diamond vem de uma tese que defendeu sobre "como as mulheres pré-rafaelitas usando noções muito tradicionais de feminilidade calmamente subverteram a vida dos maridos". Ele é todo ilustrado com referências de pintores do século 19: Lady of Shalott, de John William Waterhouse (1888), Lady Lilith, de Dante Gabriel Rossetti (1867) e o famoso quadro "Ophelia", de John Everett Millais (1851).

2129Elizabeth Siddal foi a musa que posou para "Ophelia". Durante vários meses ela flutuou numa banheira para John Everett Millais. A água era aquecida com lâmpadas, que em certo momento apagaram. Lizzie, como era conhecida, não avisou ao artista que estava congelando. Perfeccionista, pintora e poeta, Elizabeth Siddal lutou contra a depressão e morreu aos 32 anos por overdose de láudano. Queria ser mais do que uma musa mas acabou sendo mais conhecida assim, inspiranto Ophelia e agora o nap dress.